segunda-feira, 23 de março de 2009

UMA BOA IDEIA

Há tempos, a propósito da Semana da Leitura, demo-vos conta (ver post "O LENTO ESBOROAR DO MURO, de 10 de Março) da colaboração prestada por alguns familiares dos nossos alunos nessa actividade. Uma das pessoas que colaborou foi Fátima Felício, avó do João Pedro Alves, que veio contar à turma do 1.º ano a fábula "A Garça e a Raposa". No final da sessão, e a propósito do tipo de trabalho a desenvolver na exploração da história, a Fátima aventou a hipótese de se poder fazer um livro. A proposta foi bem recebida, e partiu-se para a acção.
Começou por se distribuir a cada aluno uma folha onde, devidamente dactilografada, constava uma parte da história. Depois, com o devido cuidado e empenho, cada aluno ilustrou a parte da história que lhe coube em sorte. Ultrapassada com sucesso esta fase, a Fátima passou pela escola para recolher os trabalhos, e levou-os para encadernar.
Passados poucos dias apareceu-nos na escola com o produto final. O resultado, como se vê nas imagens, foi deveras satisfatório. Os nossos caloiros adoraram ver o seu trabalho, e a nossa biblioteca ganhou mais um livro.
Ora digam lá se não foi uma boa ideia?!
.
.

5 comentários:

Anónimo disse...

A ideia foi optima e o resultado melhor. Continue D. Fátima. (uma das minhas filhotas foi sua aluna e não a esquece)bj da Catarina

Luís Costa disse...

O meu aplauso!!! Um exemplo a seguir!

Flávio Monte

Luísa Braga disse...

Tudo o que seja participar e dsenvover este tipo de ideias é de louvar.
Original, e trabalhosa e o produto final motivo de orgulho e satisfação para todos...
Mais uns pontos a acrescentar ao projeto da escola.
Parabéns.!Venham mais iniciativas assim...

Anónimo disse...

Olá, foi com todo o prazer que dei a minha pequena contribuição para a semana da leitura. Estou ao dispôr para qualquer outra actividade em que possa ser útil. Um beijinho. Parabéns pelo blogue.É uma maravilha. Em relação ao comentário retribuo com muito carinho os bjs da Catarina.F.F.

AC disse...

Fátima, foi um prazer tê-la connosco.
Agradeço ainda a sua disponibilidade para continuar a colaborar e... é claro que não desperdiçamos a mais valia do seu saber. Em breve combinamos outra actividade, pode ser?
Obrigado