segunda-feira, 27 de abril de 2015

25 DE ABRIL

.
.
Abril que passa, já pouco sonha,
mas ainda há quem se disponha.
.
.

sexta-feira, 24 de abril de 2015

À DESCOBERTA DA FLORA DA GARDUNHA

.
.
.
Já aqui foi referido que a "Gardunha (...) alberga uma grande diversidade de seres vivos, tanto animais como vegetais". Tal como a exploração da fauna existente na Serra despertou uma grande curiosidade nos nossos alunos, também o conhecimento das plantas que aí podemos encontrar foi motivo de grande interesse. 
Ontem e hoje, Sandra Leitão "semeou" mais uma sessão teórica nas salas do 1.º e 3.º anos (para a semana será a vez dos alunos do 2.º e 4.º anos).
Enriquecendo as suas aprendizagens sobre a importância das plantas (na alimentação, no vestuário, nos medicamentos, nos perfumes, na madeira, no fabrico de papel, na cor, no solo, como abrigo...), os alunos aprimoraram os conhecimentos, debruçando-se, em particular, na flora existente na Gardunha.
Distinguiram e identificaram árvores e arbustos, como o castanheiro, o carvalho, o sobreiro, o pinheiro bravo, o medronheiro, o freixo, a giesta, o rosmaninho, a urze, a carqueja, a erva das sete sangrias, a abrótea e observaram as folhas e flores de algumas das plantas em estudo. Saber que a Serra da Gardunha é o único local do mundo onde existe a abrótea (Asphodelus bento-rainhae) é, esperamos nós, uma motivação pessoal à sua preservação!
Se o crescer das plantas parece ter sempre algo de mágico, no final desta sessão, os alunos também se envolveram numa espécie de "magia" decalcando algumas folhas de árvores e arbustos com lápis de cera. Surpreendidos, olhavam sorridentes para as folhas que apareciam desenhadas no papel branco.
A necessidade de proteção das plantas que estão em perigo de extinção foi reforçada e é essencial que a mensagem seja interiorizada com seriedade nas atitudes de todos. 
Qualquer dia, as sessões teóricas darão lugar aos passeios pedestres! Que bom!
.


.

O AMANHECER DAS PALAVRAS

.
.
Quinta-feira, pelas 8h50...
As palavras acordaram cedo e, aproveitando os primeiros raios de sol, espreguiçavam-se voluntária e agradavelmente ao ar livre.
O jardim agradecia a companhia e o olhar de quem chegava sorria espontaneamente...
Quanta vontade de desvendar  "O Enigma do Castelo Templário"! ;)
.

quinta-feira, 23 de abril de 2015

AO ENCONTRO DE LUÍSA DUCLA SOARES

.
"O sultão Solimão e o criado Maldonado"
"O gato e o rato"
Na semana passada, as "meninas" da Biblioteca Municipal do Fundão desafiaram-nos a fazer uma espécie de "desfile literário" para recebermos, de forma especial e carinhosa, a brilhante escritora Luísa Ducla Soares. Ficámos todos entusiasmados quando a professora nos explicou que íamos representar excertos de algumas das suas obras.
Todos íamos participar, mas em teatros diferentes. Os livros escolhidos foram "O sultão Solimão e o criado Maldonado", "O gato e o rato", "Os ovos misteriosos" e a lengalenga "A velha e a bicharada".
Pedimos aos nossos pais os adereços necessários, escolhemos os personagens e ensaiámos tudo durante um dia e meio. No início estávamos atrapalhados, mas depois de aprendermos as falas, os gestos, já fizemos melhor. Durante os ensaios, divertimo-nos muito com as histórias de Luísa Ducla Soares. Rimo-nos de alguns disparates, porque na lengalenga os colegas que imitavam as vozes dos animais faziam sons engraçados e a velha estava sempre a refilar dizendo que estava sozinha, mas também partilhámos opiniões sobre as mensagens especiais de cada história. Falámos dos ricos e dos pobres, do amor de uma galinha pelos cinco filhos todos diferentes, da força da amizade, de como se pode brincar com a nossa Língua...
Chegada a terça-feira, lá fomos então à Biblioteca. Estávamos felizes, mas nervosos. Durante a pequena viagem de autocarro, uns diziam que tinham formigas na barriga, outros diziam que tinham rinocerontes e outros falavam de uma espécie de borboleta que lhes fazia cócegas no peito... O entusiasmo era enorme pois, acima de tudo, íamos conhecer a escritora Luísa Ducla Soares!
Chegámos à Biblioteca e preparámo-nos para apresentar a nossa surpresa. Quando nos chamaram, entrámos numa sala cheia de meninos e meninas, professores, e no palco estava Luísa Ducla Soares, acompanhada do músico Daniel Completo. Ficámos boquiabertos ao ver tanta gente! Fomos apresentados e... sabíamos que íamos dar o nosso melhor. À medida que íamos representando, ficávamos menos nervosos, porque as pessoas estavam a divertir-se e aplaudiam. No teatro da história "Os ovos misteriosos", a música avariou mas a professora e o músico Daniel Completo ajudaram, as pessoas acompanharam e tudo correu bem. O músico Daniel Completo foi muito simpático por nos ter ajudado e, no final, a Luísa Ducla Soares e as "meninas da Biblioteca" ficaram muito contentes connosco e deram-nos os parabéns.
Depois da nossa surpresa, alguns meninos e meninas colocaram questões à Luísa Ducla Soares e o Daniel Completo tocou duas músicas. Batemos palmas, cantámos...
Gostámos muito de conhecer esta famosa escritora portuguesa e de participar nesta divertida experiência literária! :)
.
Turma do 3.º ano
.
"Os ovos misteriosos"
Lengalenga "A velha e a bicharada"
.
Agradecemos, sentidamente, às "meninas da biblioteca", aos pais dos alunos da turma e a todos os que nos apoiaram! Foi uma experiência muito gratificante, abraçada com muito carinho e entusiasmo. 
.

quarta-feira, 22 de abril de 2015

ANIMATEATRO APRESENTA "ALICE NO PAÍS DO SOLDADINHO DE CHUMBO"

.
SINOPSE
.
Alice está aborrecida por não ter nada que fazer, não sabe como passar o tempo... vê um coelho que a desafia a entrar no seu mundo. A inquietude, característica da criança, fá-la atravessar o lado errado do espelho e surge no universo do Soldadinho de Chumbo. O Soldadinho está triste, não tem a atenção da bailarina... o seu rival tudo faz para o expulsar do grupo de brinquedos. Alice ajuda-o a ser feliz. Mas há um outro grande problema: no País das Maravilhas estão todos à sua espera... Alice!!!

.


A nossa escola recebeu hoje, pelo sétimo ano consecutivo, a companhia Animateatro que, mais uma vez, nos presenteou com a maravilha do "faz de conta", onde o talento, a criatividade, a alegria, a interação com o público, rendido a toda esta magia, merecem os nossos sinceros aplausos! Parabéns a todo o elenco pelo profissionalismo e pela animada tarde de teatro que nos proporcionaram.
Deixamos também o nosso bem-haja a quem patrocinou este espetáculo. 
.

terça-feira, 21 de abril de 2015

A SENHORA QUE DANÇA COM AS PALAVRAS

.
Luísa Ducla Soares, acompanhada pelo músico Daniel Completo
 .
Há pessoas assim, com um percurso de vida digno de nota. Enfrentaram os medos, passaram por mil e uma situações, descobriram o segredo das pequenas coisas, fizeram um pacto com a serenidade. É o caso de Luísa Ducla Soares, artífice da palavra, um dos grandes nomes da Literatura Infantil do nosso país, que ontem e hoje, na Biblioteca Municipal Eugénio de Andrade, interagiu com centenas de crianças de escolas do nosso concelho.
A escritora "vestindo" a pele de vampiro

Quem esteve, nestes dois dias, na Biblioteca Municipal, é impossível não ter sentido a serenidade e a extraordinária energia positiva que emanam desta escritora, autora de cerca de cento e cinquenta (!) livros, na sua esmagadora maioria para o público infanto-juvenil, onde revela todo o seu talento.

Os nossos alunos, felizmente, também lá estiveram. Temos a certeza que este encontro, tão marcante como eficaz pela simplicidade de processos, é daqueles para mais tarde recordar.
 .
O público duma das várias sessões
.
.

PARABÉNS, JOANA AUGUSTO!

.
.
A Joana Augusto é uma aluna surpreendente. Senhora duma incrível memória, capaz de rivalizar com a dos elefantes, apreende as coisas facilmente, mas duma forma muito peculiar, onde a compreensão, para ser bem digerida, tem que pedir autorização à sua grande sensibilidade. E, quando a harmonia acontece, o sorriso brota, espontâneo...

A Joana, nos últimos dias, tem andado em pulgas, e nisso ela é como todas as crianças: o dia do aniversário nunca mais chegava. Mas chegou, e hoje a nossa aniversariante festejou com os colegas, que lhe desejaram as maiores felicidades.
Antes de ser servido o bolo, tempo ainda para o cerimonial do trincar da vela, em que desejos e anseios se desenharam, com mais cor, na sua mente.
Parabéns, Joana Augusto!

.

TEATRO NA ESCOLA

.
.
Amanhã, dia 22, a nossa escola receberá, mais uma vez, a companhia Animateatro, que desta vez nos traz a peça "Alice no País do Soldadinho de Chumbo".
Vai ser, para os nossos alunos, um momento gratificante, com toda a certeza.
.
.

segunda-feira, 20 de abril de 2015

EU DANÇO... EU CHUTEI... EU SALPICAVA... EU CORREREI...

.

.
.Eu danço
Tu rodas
Ela salta
.............Nós rodopiamos
....Vós bailais
........Elas brilham!
.
Eu chutei
....Tu passaste
...Ele marcou
.........Nós ganhámos
........Vós perdestes
.............Eles aplaudiram!
.
....Eu salpicava
........Tu chapinhavas
........Ele molhava-se
.................Nós mergulhávamos
.....Vós nadáveis
.............Eles afogavam-se!
.
.Eu correrei
Tu saltarás
Ele caçará
.............Nós tropeçaremos
......Vós brincareis
...Eles miarão!
.
Poesia e ilustração: Margarida Matos - 3.º ano
.

MATRÍCULAS - 1.º ANO (2015/2016)

.
.
.