segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

BOAS FESTAS

..
Os alunos, professores e assistentes operacionais da Escola EB1 Aldeia de Joanes desejam a todos um Feliz Natal e um excelente Ano Novo.
.
.

domingo, 20 de dezembro de 2009

RESULTADOS DO PROBLEMA DA SEMANA

.
Férias são férias, e este fim-de-semana o problema da semana não atingiu o número de respostas a que já nos vinha habituando. De qualquer modo a participação não deixou de ser significativa, o que nos permite pensar que já começou a criar hábitos nas famílias dos nossos alunos.
Dito isto, resta anunciar o vencedor. E esta semana quem primeiro respondeu acertadamente foi o João Baptista, que receberá o chocolate na próxima terça-feira, aquando da entrega das avaliações. Parabéns, João!
.
.

sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

PROBLEMA DA SEMANA - VII

.
Efectua-se hoje o último problema da semana referente a 2009.
A questão colocada, que envolve um caracol, não é difícil de resolver, requer apenas alguma concentração dos participantes.
Boa sorte!
.
.
Um caracol sobe um muro com 10 metros de altura. Em cada dia sobe 3 metros, mas de noite deixa-se escorregar 2 metros.
Ao fim de quantos dias chega o caracol ao cimo do muro?
.
.

FESTA DE NATAL

.
As festas de Natal da Escola de Aldeia de Joanes, nos últimos anos, vinham-se assumindo como uma grande manifestação de pujança da sua comunidade educativa. E o caso não era para menos. Mais de quinhentas pessoas num evento promovido por uma escola pequena como a nossa, não é para todos.
Este ano, devido a circunstâncias que nos ultrapassam a todos - a famigerada Gripe A - a festa não se pôde realizar nos mesmos moldes, ficando circunscrita aos alunos. Mas festa é festa, e a de Natal tem um cariz especial, por isso havia que programá-la e levá-la avante. E foi o que fizemos.
Hoje, às nove horas, já uma das salas da escola estava cheia de todo o género de doces e salgados que os pais/encarregados de educação iam deixando, que se iam juntar a uma grande quantidade de sumos Jandaia, deixados na véspera pela representante desse produto em Portugal.
Depois cantou-se, dramatizou-se, viu-se um filme - no caso, o do nascimento de Jesus - conviveu-se...
Até o Pai Natal, apesar da crise, deixou a sua marca. Mas, mais importante que tudo, tentou-se passar a mensagem dos valores inerentes à época, em contexto ainda quase alheio à sua comercialização.
Um bom Natal para todos!
.

video

.

DO VELHO SE FAZ NOVO

. .
A turma do 3.º ano, nos últimos tempos, tem andado ocupada com a construção de uma árvore de Natal, recorrendo, para o efeito, a diversos materiais de plástico.
Partindo do tema "Do velho se faz novo", comum a todas as turmas do 3.º ano do Agrupamento, os nossos alunos recolheram vários materiais, sobretudo garrafas, e fizeram uma árvore que enfeita o átrio do edifício da ACRAJ, onde funciona a escola.
Como se vê nas fotos, o trabalho foi muito bem conseguido.
.
.

quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

NINGUÉM DÁ PRENDAS AO PAI NATAL

..
De tantas histórias que se contam às crianças, nesta época do ano, algumas delas referem-se a um personagem bem conhecido de todos: o PAI NATAL.
Rechonchudo, de vermelho vestido e barba branca comprida e bem farfalhuda, viaja no seu trenó na companhia das suas renas distribuindo presentes a todas as crianças do mundo.
E AO PAI NATAL... NINGUÉM DÁ PRESENTES? Pelos vistos, os alunos do 2º ano até gostavam de lhe oferecer... uma máquina de embrulhar presentes, uma cama voadora, um computador, um livro, um fato novo, um trenó suplente, renas de reserva... Na verdade, Ana Saldanha, na sua história "Ninguém dá prendas ao Pai Natal", conta-nos quem se lembrou do Pai Natal e o foi visitar ao Pólo Norte. Mesmo recebendo presentes demasiado pequenos para poder usar, no final das visitas, o Pai Natal ficou bastante mais feliz...!
Afinal de contas, quem precisa de presentes, quando se tem a companhia dos amigos?

Poema visual - João Miguel - 2º ano
.
.

quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

O MEU PRESÉPIO

..
O presépio, se for feito como é tradição, tem de ter as coisas no lugar.
Maria e José devem estar ao lado do Menino Jesus.
O burro e a vaca devem estar atrás do Menino Jesus a aquecê-lo.
A estrela e o anjo estão no céu a ver o Menino Jesus a nascer.
Os pastores oferecem queijo, leite e um cordeiro.
Por fim, os Reis Magos trazem ouro, incenso e mirra para o Menino.
.
Texto: Inês Barroso - 4.º ano
.
Nasceu Jesus, em Belém
Ao lado dos seus pais
Sua mãe se chama Maria
Cheio de frio, lá nasceu
Eu o presépio vou fazer
Um pastor com ovelhinhas para oferecer.
.
Jesus, um pequeno bebé
Eu vou pôr numa gruta
Se puser os três Reis Magos
Um beijo da minha mãe vou receber
Sempre o presépio irei fazer!
.
Acróstico: Mafalda Oliveira - 4.º ano
Ilustrações: Carlos António (em cima) e Inês Barroso (à direita) - 4.º ano
.
.

terça-feira, 15 de dezembro de 2009

PRESÉPIOS

.
Está patente, no átrio da Associação Desportiva, Cultural e Recreativa de Aldeia de Joanes, uma exposição de cerca de 30 presépios (os que vê nas imagens) elaborados por alunos e encarregados de educação da nossa escola.
O certame, sujeito a concurso, estará aberto ao público até ao dia 6 de Janeiro de 2010, data em que serão atribuídos os prémios.
Portanto, já sabe, se quiser deliciar-se com as figurinhas do presépio, feitas com os mais diversos materiais, é só aparecer por lá, que será recebido em verdadeiro espírito natalício.
.

POEMAS VISUAIS

.
Como forma de expressão individual, mas também exibindo expressividade tipográfica, a poesia entrou no espírito de Natal com algum primor artístico.
Desta vez os alunos do 2º ano escreveram mensagens de NATAL, dando, em simultâneo, forma a diferentes símbolos natalícios.
Aqui entrou em campo a sensibilidade de cada um.
.
Estrela: António Correia -2º ano
Vela: Duarte Cruz - 2º ano
Pinheiro: Kevin Borges - 2º ano
.
.

segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

ESTRATÉGIAS

.
Ensinar não é uma forma estática, requer muitas vezes imaginação q.b. para que a mensagem passe de forma eficaz.
Vem isto a propósito duma estratégia utilizada na turma do 4.º ano, em que os alunos, organizando-se em equipas de dois (apareceram nomes como HP, Historiadoras, Mães Natais Music, As Primas, APP, As Amigas, Dupla Maravilha, Johnny & Charles, Fixolas...) estão a desenvolver um concurso com base em perguntas sobre História de Portugal.
A operacionalização é simples. Jogando num sistema de todos contra todos, cada equipa faz três perguntas, por si seleccionadas, ao opositor directo, valendo cada pergunta um ponto. Se a equipa questionada responder certo, ganha o ponto em disputa, caso contrário ela reverte para o adversário. A contabilidade final é feita quando todas as equipas se defrontarem.
Ainda só se fizeram duas sessões, mas desconfio que o concurso vai ser disputado taco a taco até ao final, pois há ali gente muito competitiva.
Desde que aprendam, competir não lhes faz mal nenhum.

.
.

ÁRVORES DE NATAL - CONCURSO

.
Árvore de Natal da Escola de Aldeia de Joanes, em frente à Câmara Municipal do Fundão
.
Na sexta-feira noticiámos, aqui no blogue, a participação da escola num concurso de árvores de Natal, em boa hora levado a cabo pelo pelouro da educação da Câmara Municipal do Fundão.
A Praça do Município, enfeitada com uma quantidade apreciável de árvores - feitas pelas diversas escolas do concelho do Fundão a partir de materiais reutilizáveis e recicláveis - ganhou um visual deveras interessante, que merece bem uma visita.
Parece que o vento, este fim-de-semana, fez alguns estragos nas árvores. Seja como for, vale a pena passar pelo local. O Natal também se vive assim, de pequenas coisas que ajudam a preencher a nossa vontade de acreditar.
.
.

domingo, 13 de dezembro de 2009

RESULTADOS DO PROBLEMA DA SEMANA

.
Agora que o fim-de-semana está no seu término, chegou a altura de revelar o vencedor do problema desta semana.
A resolução, como todos puderam constatar, exigia um grande poder de observação e de concentração, caso contrário perdia-se o fio à meada. Isso foi bem visível nos primeiros resultados enviados, com muitos participantes a sentirem necessidade de rectificar a solução proposta.
Dito isto, o vencedor é novamente a Adriana Pereira, que foi o primeiro participante a dar a resposta correcta, ou seja, 48 triângulos. Parabéns, Adriana!
Gostaria, no entanto, de agradecer a todos os participantes a forma entusiasta como aderiram a esta actividade, dando uma grande animação ao nosso/vosso blogue. Obrigado a todos!
Fica, desde já, marcado encontro para a próxima sexta-feira, às 20 horas, para mais um problema da semana. Contamos convosco.
.
.

sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

PROBLEMA DA SEMANA - VI

.
Boa noite a todos!
O problema da semana, que já vai na sua sexta edição, vem hoje desafiar o instinto de bom observador que existe em cada um de nós. Para um bom desempenho deve observar muito bem, contar atentamente e só depois dar a sua resposta. Vamos a isso?
..
Quantos triângulos tem esta figura?
.
Boa sorte e... boas contagens!
.
.

CONCURSO DE ÁRVORES DE NATAL

. .
Com o objectivo, entre outros, de sensibilizar a comunidade para a importância da preservação do ambiente, o Gabinete da Educação da Câmara Municipal do Fundão, com o apoio da empresa municipal FundãoVerde e do Grupo Generg, decidiu, em boa hora, promover um concurso de árvores de Natal construídas com base em materiais reutilizados e reciclados.
A nossa escola aderiu ao desafio e, recorrendo a materiais como uma jante, garrafas e sacos de plástico, cabos de vassoura e outros, construiu a árvore que se vê na foto. Deu trabalho, mas parece-nos que valeu a pena.
As árvores concorrentes poderão ser apreciadas nas principais artérias do Fundão, entre os dias 12 de Dezembro (amanhã) e 7 de Janeiro de 2010.
.
.

NOVOS EQUIPAMENTOS - 3

.
Há tempos, a propósito de novos equipamentos, tínhamos aqui referido que talvez o Menino Jesus nos pusesse uma prenda no sapatinho. Pois o desejo, com a complacência do Menino, concretizou-se ainda antes do Natal. Graças ao esforço e participação de toda a comunidade educativa, que "rifaram" com convicção, a nossa escola foi contemplada com um computador portáctil, fundamental para uma boa prestação do projector.
A todos um enorme bem-haja!
.
.

quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

CONCURSO DE PRESÉPIOS

.
À semelhança do ano passado, a nossa escola está a organizar, entre os seus alunos e respectivos encarregados de educação, um concurso de presépios feitos a partir, principalmente, do aproveitamento de materiais diversos.
A iniciativa tem como pano de fundo a defesa e preservação da tradição do presépio, numa altura em que o impacto das tradições natalícias com um sentido mais comercial se faz sentir fortemente.
Alguns trabalhos já foram entregues e, pela amostra, vai ser um concurso muitíssimo interessante.
Para os interessados, os presépios estarão em exposição no átrio da ADCRAJ a partir da próxima semana.
.
.

VISITA À BIBLIOTECA

..
No dia 7 de Dezembro fomos à Biblioteca Municipal Eugénio de Andrade participar na Hora do Conto, e ouvimos a história "Um beijo para o Pai Natal".
Na história o Pai Natal estava muito triste, pois não conseguia sonhar. O Max, que era um menino, quando viu o Pai Natal triste tentou animá-lo. Deu-lhe uma prenda, emprestou-lhe uma máscara, fez-lhe um truque de magia, mas nada resultou.
Então o Max teve uma ideia brilhante: contar-lhe uma história!
O Max não tinha nenhuma história de jeito, por isso pediu se o ajudávamos. Depois foi buscar uns saquinhos que diziam:
PERSONAGEM PRINCIPAL
PERSONAGEM SECUNDÁRIA
PERSONAGEM OU OBJECTO MÁGICO
TEMPO
ESPAÇO
Alguns de nós tiraram uma carta de cada saquinho, e saíu-nos o seguinte:
Personagem principal: Fada do Natal
Personagem Secundária: João Ratão
Personagem ou objecto mágico: Brinquedos
Tempo: Natal
Espaço: Floresta Encantada
E com estas cartas nós fizemos uma história.
O Pai Natal gostou tanto da nossa história que, quando adormeceu, já conseguia sonhar.
No fim o Pai Natal deu-nos um marcador de livros que também dá para pulseira.
Eu gostei imenso!
.
Beatriz Esteves - 4.º ano
.
.

MUDANÇA DE ÁGUA

..
Hoje na nossa escola estivemos a mudar a água das azeitonas.
Primeiro a D. Teresa trouxe para a sala um balde de azeitonas, antes de a água ser mudada, para nós vermos como é que elas estavam (foto da esquerda). Espreitámos e vimos a acidez das azeitonas na água.
Depois mudou-se a água às azeitonas com os seguintes ingredientes: água de nascente, casca de limão ou laranja, orégãos e alho.
Todas as semanas temos de mudar a água. E é assim que cuidamos das nossas azeitonas!
.
Texto: Laura Almeida - 4º ano
.
.

quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

A ÁRVORE DE NATAL

. .

Na nossa escola continuam-se a viver as tradições de Natal.
Para além do presépio também a árvore de Natal já faz parte deste ambiente natalício. Nela, os alunos penduraram cartões, enfeitados a seu gosto, nos quais tinham escrito mensagens de Natal.
A sensação de aconchego que já se fazia sentir, tornou-se agora ainda mais especial.
.
.
.

AS MINHAS "PEQUENAS FÉRIAS"

. .
Na semana passada adoeci e tive que faltar à escola. Só estive doente dois dias, mas tive que cumprir as regras e ficar sete dias em casa.
Na terça-feira foi feriado.
Na quarta-feira fui para casa da minha avó, porque a minha mãe e o meu pai não podiam ficar comigo.
Na quinta-feira fiquei com o meu pai de manhã e fui para casa da minha avó à tarde. Eu já estava tão farta desta situação que disse ao meu pai:
- Pai, podes ligar ao prof. Agostinho para saber se já posso ir para a escola?
Infelizmente ainda não podia ir.
Na sexta-feira voltei a ficar com o meu pai em casa. Eu já estava cheia de saudades dos meus amigos, do professor e da D. Teresa.
Mas hoje, finalmente, regressei. Que bom!
.
Texto: Adriana pereira - 4.º ano
Ilustração: Maria Inês - 4.º ano
.
.

O COMBOIO DOS ANIVERSÁRIOS

. .
O comboio dos aniversários continua na sua marcha natural e, de quando em vez, faz uma pequena paragem para receber novos tripulantes.
E eis que há mais duas aniversariantes que também já desfrutam desta magnífica viagem da vida: a Tatiana e a Ana Catarina que completaram 7 aninhos por estes dias.
Parabéns!
Pouca terra, pouca terra... Uuuuhhh! Uuuuhhh!
.
.

segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

AS MENINAS DA BIBLIOTECA

..
Todos nós temos os nossos lugares especiais e, cada vez que se coloca a possibilidade de lá irmos, o nosso espírito sente logo uma pré-disponibilidade natural. Para nós, a Biblioteca Municipal Eugénio de Andrade é um desses lugares. É que habitam ali umas pessoas - as meninas da biblioteca, como são designadas pelos nossos alunos - que vivem a sua função de uma forma tão empenhada que qualquer mortal, ao contactar com o seu trabalho, fica rendido de imediato.
Quando comuniquei aos alunos que, nesta segunda-feira, íamos à Biblioteca Municipal, surgiu um espontâneo aplauso de contentamento. E tinham razão para isso. Ali vive-se a profissão de corpo inteiro e, se dependesse das meninas da biblioteca, todo os habitantes do Fundão teriam hábitos de leitura. Que pena que não dependa!
Esta segunda-feira, com a dramatização da obra "Um beijo para o Pai Natal", de Elisabeth Coudol, confirmaram-se, mais uma vez, as nossas expectativas. Com gente assim vale a pena!
.
.

SEGURANÇA ACIMA DE TUDO

..

Todos sabemos a importância que tem o tema da segurança, neste caso concreto, quando circulamos na via pública. Desta vez, a abordagem a este assunto, com os alunos do 2º ano, não dispensou o recurso às novas tecnologias, projectando-se um Power Point sobre Educação Rodoviária. Num ambiente motivador, acabou por se instalar, na sala de aula, um pequeno debate televisivo.

Gostavam de ter assistido, não era?... Não podendo ser assim, decidimos oferecer o vídeo musical em que o Serafim nos mostra algumas normas de prevenção rodoviária.

.

sábado, 5 de dezembro de 2009

PROBLEMA DA SEMANA - RESULTADOS

.
Ontem, perto das 20 h, tinha tudo a postos para publicar um novo problema da semana, desta vez com um maior grau de dificuldade. A ideia era pôr as famílias a conjecturar possíveis respostas, dando azo a momentos de partilha. Estava tão preocupado em fazê-lo à hora convencionada que não fiz o óbvio: ler o que tinha escrito.
Entretanto o relógio marca as oito da noite e, de imediato, clico no "Publicar Mensagem". Para meu espanto, as respostas surgem quase de seguida. Comecei a lê-las e pensei, para comigo, que toda a gente se estava a precipitar. Resolvi fazer um comentário de incentivo mas, entretanto, o meu filho mais novo começou a ler o problema. Disse-lhe que não estava a ler tudo, que faltava qualquer coisa. Perante a sua insistência, espreitei o texto publicado. Foi então que me apercebi que faltavam lá três palavras que faziam toda a diferença na sua resolução. Ou seja, no blogue apareceu isto,
.
O Pedro andava a fazer uma colecção de selos, mas depois desinteressou-se, e resolveu oferecê-la aos irmãos. Começou por dar 27 selos ao João, o Manuel recebeu metade e o Fernando ficou com os últimos 20.
Quantos selos tinha a colecção do Pedro?
.
quando deveria ter aparecido isto:
.
O Pedro andava a fazer uma colecção de selos, mas depois desinteressou-se, e resolveu oferecê-la aos irmãos. Começou por dar 27 selos ao João, o Manuel recebeu metade dos que restavam e o Fernando ficou com os últimos 20.
Quantos selos tinha a colecção do Pedro?
.
De qualquer modo, que não fiquem dúvidas quanto ao grande vencedor do problema deste fim-de-semana, a Adriana Pereira, que respondeu num tempo record. Para ela, os nossos parabéns!
Agora que esta questão está arrumada, não quis deixar de partilhar convosco o percalço referido anteriormente (mea culpa), ao mesmo tempo que lanço o repto: quem consegue deslindar a resolução do texto que estava previsto?
Um novo chocolate aguarda o vencedor!
.
.


sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

PROBLEMA DA SEMANA - V

..
Bem-vindos a mais um problema da semana!
Desta vez o desafio tem como pano de fundo uma colecção de selos. Em princípio requer um pouco mais de atenção da vossa parte que o problema anterior, mas, no fundo, a sua resolução apenas exige, mais que qualquer outra coisa, de uma boa interpretação do mesmo.
O ideal seria que os alunos partilhassem as peripécias da resolução com os pais ou outros familiares. É que, para além duma ajudinha sempre necessária, nunca são de mais os tempos passados em comum.
Dito isto, quem ganhará o chocolate esta semana?
.
.
A COLECÇÃO DE SELOS
.
O Pedro andava a fazer uma colecção de selos, mas depois desinteressou-se, e resolveu oferecê-la aos irmãos. Começou por dar 27 selos ao João, o Manuel recebeu metade e o Fernando ficou com os últimos 20.
Quantos selos tinha a colecção do Pedro?
.
.

O PRESÉPIO

..
Todos os anos é assim. Entra Dezembro e, de imediato, o ambiente da escola altera-se. Começa a sentir-se no ar o aroma inconfundível do Natal, que se vai acentuando com o decorrer dos dias.
Na nossa escola, um dos símbolos mais marcantes da época que atravessamos é o presépio construído no átrio de uma das entradas, trabalho onde está bem patente o dedinho sabedor da Teresa.
Por incrível que pareça, a sensação de aconchego aumentou desde que o presépio ali está...
.
.

PARABÉNS, YAN!

..
Hoje os aniversários estiveram na ordem do dia na nossa escola. Para além dos gémeos do 2.º ano (o Kevin e a Mélanie, que completaram 7 anos), também o Yan festejou mais uma volta do ciclo das estações, perfazendo agora 9 anos.
O Yan estava todo contente, e mais ficou quando alguém lhe entregou uma prenda que lhe encheu as medidas: uma bola de futebol!
Parabéns, Yan!
.
.

CHEIRINHO A NATAL

. .
O Natal é uma festa
Festa da família
Família reunida
Reunida para conviver
Conviver e partilhar
Partilhar presentes
Presentes simbólicos
Simbólicos enfeites
Enfeites coloridos
Coloridos e musicais
Musicais cânticos
Cânticos de luz
Luz de nascimento
Nascimento de Jesus.

Poesia colectiva - 2º ano
.
.

O COMBOIO DOS ANIVERSÁRIOS

. .
Pouca terra, pouca terra... Uuuuhhh!
Esta locomotiva segue o seu rumo cada vez mais cheia de animação.
Hoje, o comboio dos aniversários voltou a fazer-se ouvir... e parou novamente! A nova carruagem leva dois aniversariantes, Mélanie e Kevin!
Parabéns aos gémeos, pelos seus 7 anos!
.
.

A ESCOLA, A GRIPE A E A POESIA - II

.
Chegou uma doença
Que é a Gripe A
Coisa que na nossa escola
Não vai haver, nem há!
.
Nós somos resistentes
Com quem a Gripe A não se mete
Vocês não sabem quantos somos
Mas olhem que não somos sete.
.
Andamos sempre protegidos
Com álcool gel na sacola
Com toalhetes e águas
Lá vamos nós para a escola.
.
Temos muito cuidado
Para não sermos infectados
Temos que ter as mãos lavadas
Para não ficarmos adoentados!
.
Temos que ter sempre à mão
O número da Linha Azul
808 24 24 24
É o número de norte a sul!!!
.
............Poema: Micaela Amaral - 4.º ano
............Ilustração: Mafalda Oliveira - 4.º ano
.
.

A ESCOLA, A GRIPE A E A POESIA

.
Tomamos cuidados na escola,
Por causa da gripe A.
Ela não é nada boa,
E tem cara de má!
.
Quando vamos comer,
As mãos temos que lavar,
Usamos sempre o cotovelo
Quando queremos espirrar.
.
Por cada dia que passa,
Muitos cuidados há a ter,
Para evitarmos a gripe
Também temos de bem comer.
.
..........Pedro Soares - 4.º ano
.
.

quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

O PROJECTOR, A TELA E A HISTÓRIA

..
Nos últimos tempos, para motivo de satisfação dos nossos alunos, as rotinas da escola têm sido um pouco alteradas.
Os culpados da mudança são os novos equipamentos com que a escola foi apetrechada, permitindo outras respostas a nível pedagógico. É evidente que, por si só, os novos recursos não fazem a diferença, mas que ajudam muito, lá isso ajudam.
À laia de exemplo, a turma do 4.º ano teve a possibilidade de assistir a uma aula sobre História de Portugal em que as novas tecnologias tiveram um papel preponderante. Para além da motivação óbvia, puderam visionar imagens a que, de outra forma, dificilmente teriam acesso.
Entretanto o Natal aproxima-se a passos largos e, quem sabe?, pode ser que o Menino Jesus nos ponha outra "maquineta" no sapatinho.
.
.

O COMBOIO DOS ANIVERSÁRIOS

. .
No início do ano, os alunos do 2º ano envolveram-se na construção do comboio dos aniversários. Hoje, ao completar 7 anos, um novo aniversariante acrescentou mais uma carruagem ao comboio que, a pouco e pouco, vai ganhando dimensão.
Parabéns, João Miguel!
.
.

quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

PROBLEMA DA SEMANA - CONSIDERAÇÕES

.O problema da semana, actividade programada para os alunos interagirem com a família, no âmbito da Matemática, tem animado o nosso blogue nas últimas quatro semanas.
Até agora as coisas têm corrido bem, mas a aderência cada vez maior a esta actividade obriga-nos a ter um especial cuidado com a sua programação, de modo a corresponder às expectativas de todos. Assim, a partir de agora fica estipulado o seguinte:
- o problema da semana destina-se, em primeiro lugar, aos alunos da escola e respectivos encarregados de educação. No entanto, aceitam-se outras participações;
- o objectivo é o desenvolvimento do raciocínio, nunca versando conteúdos curriculares específicos de um determinado ano de escolaridade;
- o problema da semana terá lugar todas as sextas-feiras. A fim de todos poderem participar em igualdade de circunstâncias, apenas será publicado às 20 horas.
Então até sexta!

segunda-feira, 30 de novembro de 2009

CHEGOU A NEVE!

. .
Os dias vão passando, numa cadência inexorável bem visível na diversidade das estações...
Ainda há pouco os alunos cavalgavam, nas aventuras do recreio, brincadeiras trepidantes desenhadas com as roupas frescas e coloridas de um Verão tardio. Mas o frio, que esperou pacientemente pela sua vez de entrar em cena, já se faz notar de forma intensa, aconselhando o uso de grossos casacos e outros adereços aconchegantes.
Nas salas, o quentinho das salamandras invade o ambiente, dispondo bem para o trabalho. Lá fora, na envolvência da Gardunha e da Estrela, a paisagem observável dilata o espírito, tal o efeito provocado pela brancura da neve...
Os ciclos repetem-se, mas a alma rejuvenesce e agradece.
.
.

O CUBO DA SAÚDE

.
Juntar sólidos geométricos com normas de higiene que contribuem para uma vida saudável, levou os alunos a participarem no jogo O CUBO DA SAÚDE.
Observando os alimentos e os objectos à nossa volta, torna-se fácil brincar e perguntar: qual a forma do recipiente onde pode estar contido o leite? Num paralelepípedo! Se quiseres comer uma esfera, o que podes comer? Uma laranja! E o azeite, em que recipiente o podes encontrar? Num cilindro! E a saúde?... Num cubo!


Os alunos do 2º ano lançaram o cubo, leram os conselhos saudáveis de cada uma das suas faces e realizaram os desafios propostos, aplicando assim os conhecimentos sobre as regras da higiene essenciais à saúde. Neste caso até poderíamos dizer que ... brincámos com a saúde!

.

UMA AVENTURA NO TEMPO DOS DESCOBRIMENTOS

.
.
Um dia sonhei que vivia no tempo dos Descobrimentos. Eu era a capitã dum barco e tinha uma tripulação maravilhosa.
A Mafalda fazia os mapas e a Micaela, dentro do cesta da gávea, gritava:
- Terra à vista!
A Maria era a minha conselheira, a Mariana tomava conta do Pedro Carrola, que era o pássaro, a Juliana era quem me fazia rir e a Maria Inês e a Adriana eram as cozinheiras.
Um dia descobrimos uma terra e pusemos-lhe o nome de Amigas. Quando lá chegámos a Mafalda começou a fazer os mapas, o Pedro começou a voar, a voar... De repente a Micaela gritou:
- Encontrámos outra terra!
A Maria disse:
- É melhor termos cuidado, não sabemos o que nos espera!!!
Eu pensei que a Maria tinha razão, mas depois a Micaela disse:
- Podemos mandar o Pedro dizer aos outros que encontrámos terra!
O Pedro virou-se para mim e disse:
- Inês! Não serias capaz?!
Eu fiz uma carinha ao Pedro, mas ele não quis ir. Então eu e toda a tripulação perseguimos o Pedro e dissemos-lhe que, se ele não fosse, o púnhamos numa gaiola. Então ele teve que ir e contou as boas novidades. Fomos para a nova terra e fizemos lá casas, semeámos, cortámos algumas árvores...
No fim, todos gritaram:
-Hip, hip, hurra! Hip, hip, hurra!
E isto é que foi uma grande aventura!

.
Texto e ilustração de Inês Barroso - 4.º ano

.