quarta-feira, 23 de junho de 2010

OS FINALISTAS

..
O tempo passou num ápice. Parece que foi ontem que os descrevíamos assim, mas o ontem está bem situado no tempo: princípios de Dezembro de 2006.
.
Chegaram em Setembro. Uns, mais tímidos, vinham de mão dada com os pais, procurando não largar a âncora do seu pequeno mundo. Outros, mais afoitos, traziam a satisfação estampada no rosto, ostentando com orgulho as mochilas novinhas em folha. Eram os novos alunos da escola, os nossos caloiros, alguns com os seis anos ainda por completar.
As aulas começaram. Os caloiros, quais passaritos ávidos do primeiro voo, enfrentaram com entusiasmo a nova vida. Começaram a interiorizar regras, a conhecer novas siglas, a decifrar os seus segredos… Mas, acima de tudo, sorriam, sorriam muito. E eram tão espontâneos! (porque será que, à medida que crescemos, vamos perdendo a espontaneidade?)
Passados três meses, e perante a satisfação do mestre mocho, a maior parte dos passaritos já começa a voar. Ainda é um voo inseguro, próximo da segurança do ninho, mas é um voo entusiasmante, próprio de quem sente que está a penetrar numa nova dimensão. E, além disso, eles continuam a sorrir. Muito!
.
Entretanto os passaritos cresceram, cresceram muito. Em todos os aspectos. O corpo encheu-se de penas, as asas estão mais fortes, e alguns começam a esboçar gestos de voos mais alargados.
Mas ainda é cedo. As asas precisam de ser bem camufladas, de ser testadas nas intempéries, bem orientadas por um discernimento ainda por descobrir. E há tanto caminho pela frente!
A primeira fase do voo, feita na nossa escola, está cumprida. Nem todos o fizeram de forma excelente, que as aprendizagens não são todas iguais. Mas esforçaram-se. E, na hora da partida, fica o desejo de que os laços da solidariedade e do companheirismo sejam bem fortes, pois bem vão precisar deles. É que, para além do sucesso nas aprendizagens, eles precisam de ser boas pessoas. Sem isso o seu voo será sempre incompleto.
Boa jornada, meus amigos!
.
.

5 comentários:

antónio e ana paula disse...

O seu grupinho de finalistas, de certeza que lhe será sempre grato por tudo o que lhe ensinou... não falemos só na aprendizagem do bê à bá, mas, nos valores e nas regras que lhes incutiu, na amizade, dedicação e muito mais, que lhes deu. No futuro serão eles que terão que demonstrar se valeu a pena ou não o seu esforço, mas que lhes vincou a personalidade e os mudou, está à vista de todos nós, (os que queremos e sabemos ver). Por nós, ser-lhe-êmos eternamente gratos por tudo o que a nossa filha aprendeu e pela sua paciencia porque, todos eles são diferentes e cada um com o seu feitio caracteristico, e isso não é fácil de lidar, nós sabemos reconhecer. Nos dias de hoje, não é fácil saber educar, e quantas vezes somos postos à prova pela maneira como o fazemos... mas "em frente, que atras vem gente", desejo-lhe toda a sorte a si e aos caloiros que em Setembro próximo terão o previlégio de o ter, como MESTRE. BEM HAJA. Será sempre um ATÉ JÁ.
António e Ana Paula Oliveira.

machadodekarlos disse...

Belíssimo! É vir aqui ler esta bela página. Parabéns a todos!
Guardarei, carinhosamente este link às minhas páginas!
Um Grande Abraço!

luisa braga disse...

Que dizer?Bem,que estive dois anos a escolher a escola onde colocar os dois tesouros que tenho em casa.tive uma ma experiência com o primeiro infantári e nao keria correr riscos, até pq um dos tesouros precisava de cuidados redobrados.
Escolhi BEM, mto bem!
Estão bem mais valiosos agora!
Foram cuidados , estimados , amados acrescentados com o saber e os valores de um zeloso, e maravilhoso joelheiro.
Valem fortunas neste momento!!
mais uma vez professor Agostinho obrigada pelos 4 anos de entrega total, a ti teresa pela paciencia e carinho incondicionais, aos restantes bem hajam.


somos uns pais e avòs e tios que vemos os resultaods e vamoa agradecer pra sempre.
E será sempre até já pq iremos voltar sempre ao ourivez e mostrar como estão brilhantes as nossas/vossas joias!!

Anónimo disse...

Gostei muito da quele dia ficara na minha vida.sempre que vejo o professor lembrome logo do dia a teresa e igual e a prof.Julia tambem.nunca me esquecerei do professor maravilhoso que tive durante o 1,2,3,e 4 ano.beijinhos daniel

Micaela disse...

Saudades!Apesar destes 2 anos bem passados,há pessoas que marcaram a minha vida,tanto na aprendizagem,como na dificuldade.Essas pessoas foram:o Professor Agostinho,a Professora Júlia,e a Teresa!Algumas vezes chegámo-nos a portar muito mal,mas o Professor Agostinho esteve sempre a dar-nos concelhos e a mostrar-nos onde erramos;a Teresa igualmente;a Professora Júlia deu-nos MUITAS GARGALHADAS DIVERTIDAS,que mais tarde vamos relembrar!
O que me resta dizer é:
MUITO OBRIGADA POR TUDO O QUE NOS FIZERAM!!!!!!!!!
Beijinhos da aluna Micaela que vos adora muito,do fundo do coração!